Matérias sobre ‘D’

Voltar para a página principal

A Dedaleira

A Dedaleira pode ser cultivada como planta medicinal e também como ornamental. As folhas são rugosas, em roseta e com nervuras elevadas na face inferior, que é mais clara. A inflorescência é longa e composta de flores em formato de dedal, podendo ser róseas, roxas ou brancas, com pintas na parte interna, de acordo com a variedade. Se impedida de terminar o ciclo através do corte da inflorescência murcha, retorna a florescer. Sua utilização medicinal deve ser muito criteriosa, pois é uma planta muito tóxica em altas doses. Excelente para bordaduras e maciços, jardineiras e vasos. (mais…)

A Dália

daliaAs Dálias são flores exóticas e delicadas, sensíveis às variações climáticas e pouco resistente ao frio. São também conhecidas como as flores das ilusões, por conta de sua beleza, sensibilidade e baixa durabilidade, o que faz com que não sejam muito indicadas para buquês. Mas mesmo assim, são muito utilizadas, tanto como planta cultivada em jardim, em que é possível combinar os seus diversos tipos em uma mesma ornamentação, ou como flores de corte, que lhe permite durar por volta de dez dias.
Trata-se de flores que se encontram nas mais variadas cores e que fornece um grande colorido ao ambiente, dado sua vasta gama de tonalidades. (mais…)